Quais as diferenças entre MEI, microempresa e pequena empresa

Saiba quais os descontos são permitidos na sua folha de pagamento
28 de junho de 2017
Dicas para não errar na escolha de software de gestão para sua empresa
13 de julho de 2017
Exibir tudo

Quais as diferenças entre MEI, microempresa e pequena empresa

Uma dúvida muito recorrente principalmente para quem está começando no mercado e pensando em abrir ou ampliar seu próprio negócio são as diferenças entre as diversas categorias de tributação que podem se encaixar e em qual sua empresa pode ser enquadrada.

Neste post vamos explicar de uma forma simples quais são as diferenças entre MEI, microempresa e pequena empresa. Vamos lá:

 

A Lei Geral da Micro e Pequena Empresa

A Lei Geral foi aprovada no ano de 2006 e tem como objetivo beneficiar e simplificar o tratamento dado para as micro e pequenas empresas, tornar o processo menos burocrático e fomentar a economia. Foi criada em conjunto pelo governo federal, estadual e municipal e sancionada através da Lei Complementar 123/06.

O intuito da Lei Geral é proteger os pequenos negócios para seguir a Constituição e promover distribuição de renda e geração de emprego.

 Através da Lei Geral, foi instituído o regime tributário específico para os pequenos negócios, com redução da carga de impostos e simplificação dos processos de cálculo e recolhimento, que é o Simples Nacional.

Além disto, a Lei prevê benefícios para as pequenas empresas em diversos aspectos do dia a dia, como a simplificação e desburocratização, as facilidades para acesso ao mercado, ao crédito e à justiça, o estímulo à inovação e à exportação.

A Lei Geral uniformizou o conceito de micro e pequena empresa ao enquadrá-las com base em sua receita bruta anual, abaixo vamos ver como ficou o enquadramento de cada uma delas:

 

MEI (Microempreendedor Individual)

O Microempreendedor Individual, que é pessoa que trabalha por conta própria e se legaliza como optante pelo Simples Nacional, com receita bruta anual de até R$ 60.000,00. O microempreendedor pode possuir um único empregado e não pode ser sócio ou titular de outra empresa.

Obs: Nos casos que a empresa foi aberta no meio do ano corrente, por exemplo em Setembro, seu faturamento não pode ser superior a R$ 20.000,00 (média de R$ 5.000,00 de faturamento/mês).

 

Microempresa

A microempresa será a sociedade empresária, a sociedade simples, a empresa individual de responsabilidade limitada e o empresário, devidamente registrados nos órgãos competentes, que aufira em cada ano calendário, a receita bruta igual ou inferior a R$ 360.000,00.

 

Empresa de Pequeno Porte

Se sua empresa tem uma receita bruta anual superior a R$ 360.000,00 e igual ou inferior é R$ 3.600.000,00, será enquadrada como empresa de pequeno porte. Estes valores referem-se a receitas obtidas no mercado nacional. A empresa de pequeno porte não perderá o seu enquadramento se obter adicionais de receitas de exportação, até o limite de R$ 3.600.000,00.